Resenha: O Último Homem do Mundo - Tais Cortez

|
                    Boa noite, meus amores! Hoje eu trago para vocês uma estória incrível e emocionante pela qual eu fiquei apaixonada e por conta desse fato acabei terminando a leitura em apenas algumas horas. Eu já comentei sobre esse livro para vocês quando falei de um, dos dois book tours, que estou participando da autora Tais Cortez e depois do contato com a obra sobrou apenas uma certeza: “ O último Homem do Mundo” é um livro que todo mundo deveria ler.

Editora: Ler Editora
Livro: O Último Homem do Mundo.
Autora: Tais Cortez
Ano: 2012
Avaliação: 6/5. (Lista de favoritos).
Sinopse: Amanda é uma garota rebelde e problemática. Filha de Patrícia Oliveira, uma atriz mundialmente famosa, ela se ressente do comportamento da mãe, que trabalha demais e dedica seu pouco tempo livre para namorar. Depois de ser expulsa dos três últimos colégios, Amanda é matriculada contra sua vontade no Educação de Elite, o colégio interno mais renomado do país, onde apenas os filhos da elite nacional estudam. Determinada a conseguir mais uma expulsão, ela é capaz das maiores loucuras, mas seus planos acabam sendo frustrados por suas colegas de quarto, por uma inspetora intrometida e um diretor paciente. Lá ela também conhece Ricardo, o garoto mais popular e mulherengo do colégio. A atração entre eles é imediata, mas isso não impede que se odeiem ferozmente e que façam de tudo para prejudicar um ao outro. No entanto, o destino os forçará a unirem forças por um bem maior, e Amanda perceberá que, às vezes, o último homem do mundo de sua consciência pode ser justamente aquele que seu coração decide escolher.


                Primeira coisa que eu tenho a dizer é que falar sobre um livro que me envolveu tanto e me fez me apaixonar de tal forma, não é nada fácil. No entanto, tenho que ser justa com ele e fazer uma resenha no mínimo à altura para que você possa se permitir se apaixonar pelo casal marrento dessa história tanto quanto eu!

                Quem nunca odiou ninguém? Quem nunca se sentiu sozinho ou quis fazer algo apenas para irritar seus pais? Quem nunca falou que certa pessoa era a última pessoa na face da terra com quem ficaria e acabou descobrindo dentro de si sentimentos fortes e intensos? Se você se identificou com algum desses fatos, e até mesmo se não, essa leitura é a ideal para você.

                O livro é narrado em 1ª pessoa através do ponto de vista de Amanda, uma jovem ruiva problemática e rebelde que faz de tudo para chamar a atenção e/ou causar constrangimento para sua mãe famosa que não lhe da muita atenção e decide a vida dela (como a maioria dos pais) sem consultar suas vontades. É, inclusive, em consequência de uma dessas escolhas onde conhecemos a principal, e divertida, Amanda que acaba de chegar ao seu novo colégio, após três expulsões anteriores em outros lugares.  Desde o primeiro momento, ela faz questão de demonstrar estar ali contra sua vontade e se mostra decidida a fazer de tudo até conseguir ser expulsa. E já aviso vocês que ela  não irá poupar esforços ou controlar seu gênio para concluir seu objetivo, o que proporcionará encontros marcantes e situações essenciais para o desenvolver da trama.

                Sua personalidade forte adicionada com o fato de ela estar disposta a fazer qualquer coisa para sair dali, a faz rejeitar a ideia de se deixar ser convencida por qualquer coisa ou qualquer pessoa do Educação de Elite. Sem duvidar e tendo a certeza que nada e nem ninguém irá faze-la desistir de conseguir seu objetivo ela espera que seguir seu plano e dar o fora dali seja algo fácil a ser realizado em no máximo uma semana, ou assim era o que ela pensava antes de conhecer algumas pessoas que não tornariam isso nada simples.

Logo de cara ela conhece Ricardo, um menino típico de elite (mimado, arrogante) e os dois já trocam farpas o que só piora com a namorada dele, Mariana, se metendo e falando o que não deve.  Não preciso nem dizer que esses três irão se meter em muita confusão, ou preciso?  Tanto Ricardo quanto Amanda são extremamente marrentos e não poupam esforços em tornam a vida do outro complicada, mas será que por trás de tanta provocação e ódio um outro sentimento não se encontra escondido? São questionamentos como esse que um plano, um beijo, vingança podem estar respondendo e não da forma como eles esperam.

                Não vou falar o que eles irão aprontar, tampouco irei falar sobre todos os personagens da história, isso eu deixo para vocês serem surpreendidos assim como eu fui no decorrer da leitura! O que irei dizer para vocês é que todos os personagens despertam sentimentos e emoções em nós leitores, Ricardo e Amanda mesmo com tanta marra são apaixonantes e nos fazem crescer com eles durante a leitura, sem falar que nos levam a refletir sobre ações e pensamentos errados que temos e que não percebemos. Bem mais que uma história de amor, O último homem do mundo, é uma obra de crescimento, reflexão e que contribuem diretamente em nossa vida.

                Eu me identifiquei diversas vezes com partes do livro, o que me levou a refletir sobre certos pontos e parar de focar somente em mim. Sem falar que eu ri, briguei, suspirei e me apaixonei em cada página. O romantismo na medida certa, o amadurecimento dos personagens no decorrer da obra, o jeito que problemas são mostrados de forma suave sem tirar a gravidade, a comédia presente no livro, dentro outros diversos fatores são o que tornam a obra de Tais Cortez completa e incrível.

                A capa é linda, e antes que vocês digam algo foi a primeira coisa que a minha mãe também comentou, a diagramação é simples e ao mesmo tempo perfeita. A escrita é gostosa, rápida e quando você vê já está lendo a horas e pareceu apenas minutos, não é a toa que essa obra entrou para minhas favoritas e desejadas. Admito também que fazia tempo que uma leitura não me prendia tanto quanto esse conseguiu, parabéns pela obra incrível Tais, pode ter a certeza que conseguiu me conquistou completamente!

                E se você se interessou e quer estar em contato com essa obra e se envolvendo nessa leitura irresistível, não deixem de adquirir o seu! Os links estão aqui embaixo, aproveito e deixo também o link para o post sobre o book tour onde você irá encontrar todos os detalhes ;)

Skoob;

Espero que vocês tenham gostado e não deixem de comentarem me falando a opinião de vocês. É sempre importante para mim e para a autora saberem o que acharam e termos esse contato! Espero vocês e se de a chance de se apaixonar ou presentear aquela pessoa especial que mostra a força do amor.


Beijos da Brooke

9 comentários:

  1. Oiiiiii, Bruna!
    UAU...nem sei o q dizer depois de ler uma resenha dessas...tão perfeita e apaixonante!
    É com ctz uma das mais lindas q já li!
    Só o q posso dizer é MUITO OBRIGADA! Pelo carinho q sente por meu livro, por mim, e por colocar todo esse carinho em palavras tão doces!
    Uma das maiores recompensas de publicar minhas obras é encantar leitoras e blogueiras como vc.
    Espero q Deus me dê muita inspiração para continuar escrevendo histórias q conquistem seu curacao!
    Bjssss
    e sucesso ao blog! :*
    Q venha Golfinhos e Tubarões! Admito q estou ansiosa rss...espero q goste!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. curacao rs...escrever rápido demais dá nisso rss....

      Excluir
    2. Eu que agradeço pela oportunidade de estar conhecendo e sendo conquistada pela obra, você mereceu cada palavra dessa resenha! Pode ter certeza que estarei acompanhando todas as suas obras, já entrou para os meus top autores <3
      Estou muito ansiosa para estar conhecendo seu outro bebe e podendo me encantar tanto quanto essa leitura me proporcionou!
      Beijos

      Excluir
  2. Olá

    Que resenha linda.
    Amei, só me fez ter mais vontade de ler o livro.
    Ai não vejo a hora dele chegar.
    Falou em marrentos, pronto me ganhou kkk, e adoro quando o livro além de nos entreter nos faz refletir.

    Parabéns pela resenha.

    Beijosss
    Fer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. <3 Awnn...q bom q gostou da resenha, Fer!
      Realmente ficou linda demais.
      E eu tb não vejo a hora de chegar o seu e saber sua opinião sobre a história.
      Cada vez fico mais confiante de q irá adorar rsss
      Depois me conta!
      Bjssss

      Excluir
    2. Com toda certeza você ira se apaixonar por eles, é pura marra esse casal e ao mesmo tempo são apaixonantes *-*
      Estarei indo conferir a sua resenha quando for publicada com toda a certeza, é uma obra completa e perfeita!
      Beijos

      Excluir
  3. Waaaaa, quando a Tais comentou que essa era uma das resenhas mais apaixonantes sobre o livro dela, tive que clicar e vir conferir. :) Ameeeei saber que toda a essência desse livro incrível foi captada por você, flor. Acho que O Último Homem do Mundo é o tipo de livro que somente um leitor sensível realmente será capaz de valorizar… Um leitor que não tenha resistência em compreender os sentimentos dos personagens. Eu me sinto feliz em ter sido uma leitora assim e por ter visto, na sua opinião, que você também foi. A Tais tem realmente o dom de nos envolver em suas palavras! Mas esse livro, em especial, tem uma mensagem que nos convida a sermos pessoas melhores. E ouvir essa mensagem, que está sob essa história tão bela, é opção de cada leitor.
    Minha flor, só posso dizer que estou feliz porque você decidiu ouvi-la.

    Linda resenha! A autora merece.
    Beijo carinhoso!

    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Fran (obs: sou apaixonada pelo seu blog <3). Esse livro me conquistou em todos aspectos e me encantou, fico feliz de não ser a única cujo livro trouxe tamanhas emoções e conquistou tanto! A Tais realmente tem esse dom e merece que todos estejam conhecendo e se apaixonando por essa obra. Fico feliz que tenha gostado, definitivamente o livro me ensinou a ser uma pessoa melhor e prestar mais atenção a minha volta!
      Beijo carinhoso da Brooke

      Excluir
    2. Aiiiii como vcs são lindassssss! <3 Esses comentários fazem meu coração ficar apertadinho de tanta emoção!!!!

      Excluir