Resenha: Ligeiramente Escandalosos

|

         Olá, meus amores! Então, já perceberam que o layout está de cara nova, certo? Para quem ainda não viu AQUI você confere tudo sobre as mudanças no blog e quem foi a pessoa incrível e responsável por esse trabalho perfeito.  Agora que eu já comentei sobre o nosso novo cantinho, vamos ao que interessa? Hoje eu trago para vocês a resenha de Ligeiramente Escandalosos que é o terceiro livro da Série Os Bedwyns da autora Mary Balogh.

Freyja Bedwyn é uma mulher diferente das outras damas da alta sociedade: impetuosa e decidida, ela preza a independência e a liberdade acima de qualquer coisa – até mesmo do amor.
Até que o destino lhe apresenta Joshua Moore, o marquês de Hallmare, um homem cheio de charme e mistério, dono de uma beleza estonteante e de uma reputação terrível. Quando ambos se encontram a caminho da pacata cidade de Bath, a química entre os dois é imediata.
Entre encontros e desencontros, conflitos e provocações, Joshua faz uma proposta inusitada: pede que Freyja finja ser sua noiva, para evitar que uma artimanha de sua tia o leve a se casar com a própria prima.
Para uma dupla que acha graça das convenções sociais, esta parece ser a oportunidade perfeita para se divertir. Mas a brincadeira acaba trazendo consequências inesperadas. Aos poucos, suas máscaras vão caindo e ambos se revelam pessoas bem diferentes do que aparentam.
Neste terceiro livro da série Os Bedwyns, Mary Balogh se aprofunda ainda mais nos segredos e desejos dessa família incomum e extremamente sensual.


                Lady Freyja não é a mais bela das mulheres e nem de longe a mais comportada ou com os jeitos adequados ao título que carrega. Desde pequena ela sempre foi conhecida por aprontar todas e ser o pesadelo de suas tutoras, e em partes é isso que irá mete-la em uma grande confusão que não será tão fácil de se livrar.

Nunca aceitara muito bem ficar confinada, fazendo o que lhe mandavam, exaurindo a mente com aulas terrivelmente tediosas, sendo obrigada a se submeter à autoridade de mulheres insípidas de boa família. Na verdade, Freyja fora uma menina terrível.” (Ligeiramente Escandalosos, página 25)

                Quando o irmão de seu ex-noivo e também antiga paixão está prestes a ter um filho com a sua nova esposa ela decide aproveitar a oportunidade e o convite que Lady Holt-Barron e sua filha fazem para que ela passe um tempo com elas em Bath. Considerando que Charlotte, apesar de não ser sua melhor amiga, é uma amiga, e que a outra opção não é nada agradável essa era a melhor opção no momento. Em seu caminho para lá, no entanto, acontece um grande imprevisto onde deveriam se hospedar (um festival havia feito com que os melhores locais ficassem sem vagas) a obrigou a ficar em uma estalagem de segunda classe. Se isso já não fosse o suficiente, no meio da noite um intruso invade seu quarto causando grande alvoroço e por algum motivo que nem ela entende, ela decide ajuda-lo a não ser pego. Ou melhor, ela jamais aceitaria o jeito com que foram entrando em seu quarto, afinal ela era a irmã do duque de Bewcastle e extremamente geniosa.

Lidaria com o homem dentro do guarda-roupa depois que resolvesse aquele novo ultraje. Ninguém entrava no quarto de Lady Freyja Bedwyn sem ser convidado, não importava se o quarto ficasse em Lindsey Hall, na Bedwyn House ou em uma estalagem caindo aos pedações sem trancas nas portas.” (Ligeiramente Escandalosos, página 09)

                Preso em uma armadilha, Joshua Moore, marquês de Hallmere, acaba entrando em um quarto de uma desconhecida no meio da noite em busca de abrigo. O que ele não esperava era encontrar uma jovem dama tão brava quanto aquela, mas ao mesmo tempo o temperamento da moça o atraia de uma forma intensa. Depois de roubar um beijo e apanhar, ele escapa quase ileso da hospedaria e segue seu destino para encontrar sua avó em Bath, mal sabia ele que iria reencontrar a jovem mais rápido do que esperava para descobrir sua identidade.

Seria muito divertido flertar com ela, dada a opinião que a moça tinha dele e o temperamento forte dela. Mas na próxima vez ficaria atento àquele punho. Já fora pego desprevenido duas vezes, e era mais do que o bastante.” (Ligeiramente Escandalosos, página 30)

                Os dois brigam mais que tudo, um parece amar provocar o outro e faz de tudo para colocar em situações comprometedoras. Ate que entre muitas provocações, muito charme, desentendimentos e beijos roubados eles acabam se metendo em uma confusão da qual nem eles serão capazes de escaparem ilesos. Joshua precisa urgentemente de alguém para ser sua noiva de mentira para que os planos de sua tia de casa-lo com sua prima não deem certo, Freyja está louca para dar uma lição na tia dele depois do que ela lhe disse; fingirem estar noivos por um tempo até que Moore esteja livre não parece ser um problema, mas será?

Muito bem-apessoado...O homem era lindo demais, para dizer o mínimo. E agora achava que poderia usar seu charme para eliminar a indignação de Freyja... afinal, ele exalava charme por todos os poros. Mas isso é o que marquês pensava...” (Ligeiramente Escandalosos, página 43)

                O que eles não calcularam era que a tia de Joshua não desistirá tão fácil assim... E nem que o duque de Bewcastle ficaria sabendo desse noivado e os obrigassem há passar um tempo juntos em sua casa. A atração juntamente ao fato de terem que passar um tempo juntos é um grande problema, será que tudo realmente é uma mentira ou existe sentimentos por trás de toda a fachada?

“ – Ora, coração. – disse ele -, se não estávamos encrencados antes, agora com certeza estamos.” (Ligeiramente Escandalosos, página 150)

                Mais uma obra incrível de Mary que fará você rir, suspirar e se apaixonar. Não vá esperando uma dama de época como esperado porque Lady Freyja não é nada como as típicas mulheres de época. Mas o jeito dela irá te conquistar igualmente ou até mais do que as outras mulheres de época. Não deixem de conferir porque vale a pena ;)

                Ah e espero os comentários de vocês, certo? Venham conversar comigo <3


                Beijos 

11 comentários:

  1. Brooke, não tem como ler esta resenha e não desejar conhecer esta história. Sou loucamente apaixonada por essas tramas de época, mas ainda não tive sua sorte de ler essa serie. Confesso que perto da minha casa tem uma biblioteca que possui esses livros, mas como não sabia do que se tratava, não tive nenhum interesse, mas como agora sei que conta esse romance cheio de tapas e beijos, preciso ir agora mesmo buscá-los.
    Resenha adorável.
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, q fico feliz que tenha gostado <3 Eu aprendi a gostar com a série k e prepare-se para rir muito, porque ela é geniosa!
      Beijos

      Excluir
  2. Sua resenha está muito boa, bom, adoro um livro de romance de época, fico encantada com as histórias que misturam romance com umas boas risadas, fiquei bem interessada nesse livro, e claro, pretendo lê-lo, espero gostar da leitura tanto quanto você gostou.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então você irá adorar essa história, porque é um lindo romance e cheio de momentos para dar risada <3 Espero que goste!
      Beijos

      Excluir
  3. Não sou muito fã de romance de época, mas sabe aquele livro que de tanto a gente ouvir falar bem, somos influenciados a ler? Mesmo sem querer muito? Pois é. Esse livro é chiclete já!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro é capaz de gostar porque apesar de ser de época nem parece com essa personagem k Espero que goste se ler...
      Beijos

      Excluir
  4. Posso até nao ser muito fã desse livro ,mas tidas as resenha que vi até agora ,nao tem nenhuma negativa ,então deve significar que o livro é mesmo bom u.u
    Quero muito ler a série ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qr dizer ,não sou muito fã do genero ,pois o livro já né conquistou ...

      Excluir
    2. Sim, eu também não era, mas essa história nem parece um de época e não é nada chato então você pode gostar! Espero que seja uma boa leitura assim como para mim <3
      Beijos

      Excluir
  5. Eu aprendi a gostar de romances, mas confesso preferir os de épocas, eles são mais instigantes. Eu jurava já ter lido resenhas dele, mas conclui que não, e com isso não gostei muito não, sei que é diferente de cada um deles, mas mesmo assim faltou aquele tcham para chamar atenção, sei la, preciso de mais resenhas pra concluir ou mudar de ideia. Freyja me irrita um pouco, esse jeito "não to nem ai e me respeitem" me estressa.

    BJsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kk Realmente, ela tem isso e é ousada, então não é todos que irão gostar! Mas existem tantos para ler que logo aparece um que te encante <3
      Beijos

      Excluir