Resenha: Pipocando - Rolandinho e Bruno Bock

|

                Para aqueles que não sabem, eu não sou fã dos livros de youtubers que vem sendo lançado por ai. Mas é claro que isso tem um motivo; e essa minha implicância é que em sua maior parte eles não apresentam nada que irá acrescentar algo ao leitor... São apenas histórias vazias e feitas para vender e lucrar! No entanto, foi uma grata surpresa ver que o livro Pipocando escrito por Rolandinho e Bruno Bock e publicado pela Editora Novo Conceito foge desse padrão e é realmente uma obra que tem algo a ensinar. Então vem conferir o diferencial desse livro e o que ele traz de bom para nós, leitores ;)


Rolandinho e Bruno Bock compartilham, por meio do relato de suas histórias, os tropeços e acertos que levaram o Pipocando a alcançar marcas incríveis – 140 milhões de visualizações e mais de 1,7 milhão de inscritos, transformando-o no maior canal de cinema da América Latina – desde a criação dos primeiros projetos fracassados até o desafio de gerenciar e motivar uma equipe competente.

Recheado de segredos, experiências e histórias hilárias, este livro pretende mostrar que o sucesso vem, na maioria das vezes, para quem tem coragem e disposição de sobra – claro, se você tiver café, também ajuda.

Avaliação: 4/5



Para aqueles que não conhecem, e eu me incluía nisso, Pipocando é um canal no Youtube com um grande numero de seguidores e visualizações – sendo considerado o maior da America Latina. Nesse canal, Rolandinho e Bruno – que são os criadores e os apresentadores -, falam sobre a cultura pop em geral e principalmente sobre as obras cinematográficas. Para tanto, diariamente saem em seu canal vídeos que irão falar a opinião e o que eles acharam sobre, possibilitando ao publico uma opinião acerca do que foi apresentado.

Dividido em três partes, os rapazes vão apresentando aos leitores suas experiências e dando dicas para aqueles que têm interessem em seguirem a “carreira” de Youtuber; e isso deles compartilharem os erros e aprendizados, para mim, foi o que mais me agradou na obra.

A intenção desta parte do livro não é ser biográfica. O objetivo aqui é contar como chegamos ao Pipocando e, por consequência, revistar os momentos de nossas vidas que foram decisivos para a existência desse projeto.

A primeira parte é dedicada mais a uma introdução. Aqui eles vão contar como eles se conheceram, como surgiu a ideia e como foi toda a estruturação para a criação do canal que atualmente trazem a eles um grande reconhecimento. No entanto, nem sempre foi assim... Ao contrario do que muitos pensam, eles já tiveram que passar por diversas fases complicadas repletas de altos e baixos (especialmente baixos, e põe baixos nisso) e quebraram a cara diversas vezes. Fora isso foram noites sem dormir, problemas que envolviam a questão financeira graves, em resumo, não foi algo simples ou fácil. Eles tiveram que batalhar muito para chegarem onde estão e eles passam isso para quem esta lendo, ensinando a importância de seguir sempre os seus sonhos sem jamais desistir e persistir mesmo que no momento nada possa estar dando certo!

 “Eu não abri a empresa para ser apenas um empresário igual os outros. Eu abri a empresa para mostrar ás pessoas que não importa o quão complicado seja o caminho, você não pode deixar de fazer as coisas com prazer. E acho que boa parte disso esta lá no Pipocando, também.

Já na segunda parte descobrimos toda a realidade por trás dos vídeos gravados. E quem pensava que era algo simples, onde só se senta e começa a gravar, têm uma grande surpresa ao ver que na verdade é algo muito maior e que existe toda uma empresa por trás dos vídeos que saem todos os dias. Dentre produtores, roteiristas, figurinistas, editores, etc; que formam uma equipe de mais de 50 profissionais trabalhando juntos, eles trabalham arduamente para produzir mais e mais conteúdo a ser entregue para o publico. E serio, não é algo que simples! Vendo esse lado mais dos bastidores podemos ver que tem todo um grande trabalho e que muitas vezes eles deixam o sono de lado apenas para que possam acompanhar todas as etapas da produção (o que muitos não fazem) e garantir que sempre seja entregue o melhor aos inscritos. É realmente incrível ver a dedicação e o quanto eles amam o que fazem...

O treinamento Jedi que fazemos com a equipe (o Rolandinho é um Jedi) é mais do que simplesmente físico, porque ela precisa estar apta a ficar “de boinha” para conseguir, por exemplo, verificar a cópia final de um vídeo nesse estado de sono absurdo. 
E na ultima parte eles trazem o que eles chamam de Guia de Sobrevivência do Youtube, que é um repertorio de dicas para quem deseja começar uma carreira no Youtube. E como iniciante nesse ramo eu posso dizer que foi bem proveitoso ter esse contato e poder aprender mais sobre. Eles ensinam que muitas vezes as pequenas coisas são as que fazem a maior diferença, além de que aqueles que realmente desejam trabalhar com o Youtube devem saber que isso não é uma brincadeira, mas sim algo sério.

É melhor ser quem você é, porque tentar ser outra coisa dá muito trabalho!

Em síntese, essa obra não é apenas mais uma no mercado sem ser capaz de agregar algum conteúdo ou transmitir algo ao leitor. É uma importante lição para quem acha que ser Youtuber é algo fácil e não se tem trabalho algum com isso... Pipocando foi a minha surpresa boa do ano depois de me deparar com tantas obras que me faziam realmente questionar o valor dado à literatura pelas editoras(uma vez que produções em série que não agregam nada, pelo menos para mim, não fazem o menor sentido). Um ótimo trabalho dos rapazes e da Editora Novo Conceito que vem agregando ao mercado obras de qualidades!

Para os que se interessam pela temática é uma excelente leitura, e uma ótima oportunidade de aprender um pouco mais sobre esse mercado novo e que faz tanto sucesso. Em poucas paginas, tem mais conteúdo que muita obra por ai, sem falar que a diagramação está linda ;)

Um beijo


Nenhum comentário:

Postar um comentário